Rio de Janeiro, beleza e caos que o mundo inteiro ama.

As melhores dicas, dadas por um carioca, para você fazer uma viagem incrível pela Cidade Maravilhosa.

0 253

O Rio de Janeiro é a cidade brasileira mais visitada do país, tanto por estrangeiros, como por brasileiros. Por ser a cidade brasileira mais famosa no exterior, acaba sendo um retrato de todo o país, para o bem e para o mal.

O Rio de Janeiro também é a cidade mais visitada de toda a América do Sul e, por alguns anos, também foi a cidade mais visitada em todo o hemisfério sul.

Sobre o Rio de Janeiro

Rio de Janeiro

A cidade do Rio de Janeiro tem uma população de quase 7 milhões de habitantes, sendo a segunda cidade mais populosa do Brasil.

A cidade, que já foi capital do país de 1763 a 1960, é considerada a capital cultural do Brasil e também uma das maiores em diversidade cultural, atraindo turistas e moradores de diversas partes do mundo.

A economia da capital do estado é impulsionada por indústrias de diversos setores e também pelo turismo, que se enquadra no setor de serviços, outro importante propulsor econômico da cidade.

Carinhosamente chamada de Cidade Maravilhosa, ou simplesmente Rio, é onde vivem os cariocas e todas as demais pessoas que escolheram a cidade para chamar de lar.

O Rio por um carioca

Como carioca, que ama e odeia a sua cidade, quase na mesma proporção, posso afirmar que tudo o que falam do Rio tem tons de exagero, nas coisas ruins e também nas boas.

O certo é que a cidade tem suas mazelas, como trânsito, poluição, caos urbano, violência, assim como outras metrópoles brasileiras, mas tem também inúmeras belezas naturais e atrações únicas, como o Cristo Redentor, que é uma das 7 Maravilhas do Mundo Moderno.

“Rio quarenta graus, purgatório da beleza e do caos” é o Rio que Fernanda Abreu canta e é o Rio que vou mostrar, enaltecendo suas belezas, mas sem esconder o seu caos.

Com atrações para agradar turistas dos mais variados interesses, o Rio de Janeiro com certeza merece a sua visita. 

Seja bem vindo ao blog e à minha casa, a cidade maravilhosa do Rio de Janeiro.

Quando ir para o Rio de Janeiro?

Vamos lá, o Rio de Janeiro tem 3 apelos publicitários muito fortes, que atraem milhões de turistas num curto período de três meses. 

São eles:

  • Verão (de 21 de dezembro a 20 de março)
  • Revéillon de Copacabana (31 de dezembro / 1 de janeiro)
  • Carnaval (calendário móvel, mas geralmente acontece em fevereiro)

Porém, apesar de ser o período de maior fluxo de turistas na cidade, caso você não queira vir para o Rio para curtir um desses eventos, te aconselho a fugir do Rio no verão.

Por que não viajar para o Rio no verão?

Bom, primeiro porque a cidade fica muito cheia, todas as atrações ficam muito concorridas, os preços sobem assustadoramente, chove muito, a cidade fica um caos e você mal consegue botar o pé na areia nos finais de semana de sol.

Copacabana lotada no verão do Rio de Janeiro

É comum, registros em fotos aéreas, em que mal se consegue ver algum pedaço de areia, tamanha a quantidade de pessoas e guardas-sol.

Sem contar o calor, que para alguns pode ser insuportável.

Ok, então qual a melhor época para conhecer o Rio de Janeiro?

Para mim, a melhor época para conhecer o Rio de Janeiro é durante o outono, que vai de 21 de março a 20 de junho. 

Nesta época as temperaturas ficam mais amenas, chove menos e os dias costumam ficar bem azuis. Faz um calor suportável durante o dia e uma temperatura bem agradável à noite. 

Os melhores meses para conhecer o Rio de Janeiro são maio e junho.

Chuva e temperatura no Rio de Janeiro Mês a mês

Veja bem: Se você vier ao Rio durante o outono e chover por 1 semana, por favor não volte aqui para me xingar, acontece. Eu já viajei para Bonito no período de seca e peguei 5 dias seguidos de chuva, acontece!

Hotel Rio de Janeiro – Onde se hospedar?

Veja aqui quanto custa se hospedar no Copacabana Palace.

Para turistar pela primeira vez

Serei bastante objetivo aqui, geralmente em uma primeira visita a uma cidade, salvo raras exceções, os turistas querem conhecer os atrativos mais famosos do destino. O tal lado clichê das cidades.

Dessa forma, se for sua primeira visita à cidade, os melhores bairros para se hospedar e estar relativamente perto da maioria das atrações são: Centro, Botafogo, Copacabana, Ipanema e Leblon.

Todos esses bairros têm metrô e a maioria dos pontos turísticos do Rio de Janeiro ficam nessa região. O que não der para ser acessado de metrô, estará a poucos quilômetros de táxi ou UBER.

Clique nos links abaixo e veja opções de hotéis em cada um desses bairros do Rio.

Viajando a trabalho ou para conhecer outras regiões do Rio

Caso você já tenha viajado para o Rio algumas vezes e já conheça as atrações mais manjadas e queira explorar outras regiões da cidade, pode cogitar se hospedar na Barra ou no Recreio.

Em viagens a trabalho, o hotel escolhido geralmente fica próximo de onde acontecerão os compromissos profissionais. Neste caso, pode ser no Centro, Zona Sul, ou mesmo na Barra, para onde se mudou boa parte dos escritórios das empresas do Rio.

Veja aqui algumas opções de hotéis na Barra da Tijuca.

Veja aqui algumas opções de hotéis no Recreio dos Bandeirantes.

Se você quer se hospedar de frente à praia da Barra, indico este hotel e caso você venha ao Rio a trabalho, este é um dos melhores hotéis da cidade.

Como chegar ao Rio de Janeiro

De carro

Naturalmente, por ser uma cidade grande, o Rio de Janeiro tem muitas estradas vindas de todas as partes do país.

As principais são:

  • BR-116 – Rodovia Presidente Dutra – São Paulo e sul do país
  • BR-101 Sul – Rodovia Rio/Santos – Rodovia litorânea que liga o litoral de São Paulo, passando por Paraty e Angra dos Reis
  • BR-040 – Rodovia Washington Luís (Rio/Brasília) – Liga o centro oeste e parte de MG ao Rio.
  • BR-101 Norte – Rodovia Via-Lagos – Liga o nordeste, Espírito Santo e Região dos Lagos ao Rio.

Algumas dessas rodovias são privatizadas e são de excelente qualidade.

Distâncias do Rio para outras cidades

  • São Paulo – SP = 435 Km
  • Belo Horizonte – MG = 442 Km
  • Vitória – ES = 523 Km
  • Salvador – BA = 1.633 Km
  • Brasília – DF = 1.168 Km
  • Volta Redonda – RJ = 131 Km
  • Campos dos Goytacazes – RJ = 280 Km
  • Curitiba – PR = 847 Km
  • Juiz de Fora – MG 185 Km

Como chegar ao Rio de Janeiro de ônibus

A Rodoviária Novo Rio, localizada na região portuária do Rio, próxima ao Centro, é de grande porte e recebe ônibus de quase todas as cidades do estado e de inúmeras cidades brasileiras, de todas as regiões do país.

Eu não vou colocar valores de passagens aqui, pois eles podem sofrer modificações de acordo com a demanda e época do ano, mas vou deixar um link abaixo, onde você pode pesquisar de acordo com sua cidade e data da viagem.

Verifique aqui passagens de ônibus para o Rio de Janeiro, vindo de qualquer lugar do país, por todas as empresas.

Passagem aérea para o Rio de Janeiro

A cidade do Rio conta com dois aeroportos, o Galeão Tom Jobim, que fica mais distante da região hoteleira e o transporte público não é dos melhores. Mas era bem pior antes das olimpíadas.

Já o Santos Dumont fica próximo ao centro, conta com o VLT na porta, que faz integração com o metrô e te leva para todos os bairros que indiquei em “onde se hospedar no Rio de Janeiro”.

Veja os preços e compre sua passagem aérea para o Rio de Janeiro aqui.

Aluguel de carro no Rio de Janeiro – Precisa alugar carro no Rio?

Se você se hospedar no centro ou na zona sul (Botafogo, Copacabana, Ipanema e Leblon) e  pretender conhecer somente os principais pontos turísticos da cidade, NÃO PRECISA ALUGAR CARRO. 

Caso você queira explorar outras regiões da cidade, alugar um carro pode ser mais econômico, além de ser bem mais prático e confortável. 

Regiões como Vargem Grande, Barra de Guaratiba, Prainha e Grumari – estas duas últimas, as mais bonitas do Rio e uma das melhores praias do Brasil – ficam distantes da região hoteleira e mais turística, o que justificaria alugar um carro.

Caso você vá fazer viagens a partir do Rio para a Região dos Lagos, Angra, Paraty, Petrópolis, também pode ser mais vantajoso alugar um carro.

Faça aqui a cotação do aluguel do carro no Rio de Janeiro.

Como se locomover no Rio de Janeiro

Atualmente o metrô atende todos os bairros da região hoteleira da Zona Sul e vai até o Jardim Oceânico na Barra da Tijuca.

Se você estiver hospedado na Barra ou Recreio terá que pegar um táxi ou UBER até a estação Jardim Oceânico do metrô.

Rio de Janeiro

Atrações que você precisará andar, pegar táxi ou UBER a partir de alguma estação de metrô:

  • Parque Lage e Jardim Botânico – Pegue um UBER a partir de qualquer lugar da Zona Sul
  • Lagoa Rodrigo de Freitas – Vá a pé ou pegue um UBER
  • Cristo Redentor – Vá de metrô até a Estação Largo do Machado e depois pegue um UBER
  • Santa Teresa – Metrô até a estação Cinelândia ou Carioca e depois você pode subir de UBER ou de bonde turístico (aqueles amarelinhos famosos)
  • Pão de Açúcar – Um UBER a partir de Copacabana dá pouco mais de R$12, mas pode aumentar de acordo com a tarifa dinâmica

O que fazer no Rio de Janeiro

Como o Rio de Janeiro tem inúmeras atrações, eu separei em três outros artigos que você pode acessar clicando nos links abaixo:

41 atrações de graça no Rio de Janeiro

29 praias no Rio de Janeiro para você conhecer

Como conhecer os principais pontos turísticos do Rio de Janeiro

Onde comer – Restaurantes no Rio de Janeiro

Indicar restaurantes em uma cidade imensa como o Rio de Janeiro é sempre um trabalho gigantesco e que requer certo cuidado, mas não vou fugir da responsabilidade e tentar indicar alguns restaurantes por tipo de cozinha e por bairro.

Ah, eu já escrevi um post sobre os 13 melhores lugares para tomar café da manhã no Rio de Janeiro, que está bem bacana, pois indico opções para todos os gostos, desde os mais gourmetizados, com vista bacana, tradicionais, rápidos, “raiz” e até um nordestino.

Casa do Sardo

Casa do Sardo. Foto divulgação

Cozinha italiana, especializada na região da Sardenha, mediterrânea e frutos do mar. 

Fora do roteiro turístico, fica no bairro de São Cristóvão. Vale a pena caso você tenha ido visitar a Quinta da Boa Vista, o Jardim Zoológico, o Maracanã ou antes de ir para a quadra da Mangueira, que são as atrações turísticas da Zona Norte.

A comida é maravilhosa, mas o restaurante é bem pequeno, portanto chegue até às 12h ou faça reserva.

Endereço: Rua São Cristóvão, 405.

Ráscal

Sistema de buffet livre, cozinha mediterrânea. Apesar de ser um restaurante de rede, eu gosto bastante da variedade, qualidade e sabor da comida do Ráscal.

Endereço: Av. Afrânio de Melo Franco, 290 – Shopping Leblon

Risoteria Gourmet

Como o nome já sugere, é uma casa de risotos. Cozinha italiana, brasileira e bar.

Endereço: Rua Vinícius De Moraes 174 – Ipanema

Flor do Céu

Restaurante dentro da comunidade Chácara do Céu, de cozinha italiana e frutos do mar, com linda vista.

Endereço: Rua Aperana, 200 – Leblon/Chácara do Céu

Aprazível

Restaurante de cozinha brasileira contemporânea em Santa Teresa, com linda vista.

Endereço: Rua Aprazível, 62 – Santa Teresa

Churrasqueira Rio

Restaurante de carnes grelhadas, bar e pub em Ipanema.

Endereço: Rua Vinicius de Moraes, 130 – Ipanema

Na Brasa Colúmbia

Tradicional galeteria do Rio de Janeiro com 5 unidades. Serve um delicioso galeto assado, com arroz de brócolis, farofa de ovos e batata frita ou portuguesa.

Endereços: Barra da Tijuca, Jardim Oceânico, Nova América Shopping, Tijuca e Botafogo.

Heaven Cucina

Apesar de ser capitaneado pela chef Heaven Delhaye, finalista do Masterchef Brasil Profissionais em 2018, não custa uma fortuna. Tem cozinha italiana, mais precisamente da Sicília e sul da Itália.

Endereço: Av. das Américas, 8585 – Vogue Square, Barra da Tijuca.

Don Pascual

Esse restaurante em Vargem Grande, já fica bem distante da região mais turística da cidade, a não ser que você esteja hospedado na Barra ou no Recreio.

O restaurante que fica no meio da mata atlântica, com diversos níveis e ambientes, além de possuir deliciosa culinária, fica em um lugar lindo. Vale a pena passar o dia por lá.

Endereço: Estrada do Sacarrão, 867 – Vargem Grande

Restaurante Don Pascual em Vargem Grande Rio de Janeiro
O Don Pascual é lindo e é uma delícia passar a tarde por lá. À noite é um restaurante bem romântico.

Yusha

Culinária de fusão japonesa e asiática, o Yusha fica no Village Mall, um dos shoppings mais caros do Rio. 

Apesar de ser um restaurante caro, a experiência é fantástica.

Endereço: Avenida das Américas, 3900 – Village Mall – Barra da Tijuca

Gurumê

Outro restaurante com vários endereços no Rio, o Gurumê tem culinária japonesa contemporânea e preços mais acessíveis.

Endereços: Tijuca, Ipanema, São Conrado, Barra e Botafogo

Xian

O Xian virou restaurante modinha por conta dos seus pratos e drinks instagramáveis, além da bela vista, que também proporciona excelentes fotos para a rede social.

Mas o Xian é muito mais que um restaurante para ostentar no Instagram, a cozinha tailandesa e asiática serve pratos deliciosos e o atendimento é impecável.

Por ser colado ao aeroporto Santos Dumont, pode ser uma opção em sua chegada ou partida da cidade.

Endereço: Avenida Almirante Sílvio de Noronha, 365 – Bossa Nova Mall – Centro

Casa Camolese

Restaurante, bar e pub com cerveja artesanal, ambiente com decoração incrível. Tem opção de atendimento na parte interna ou no deck externo, com vista para a pista do hipódromo do Rio. Os pratos são lindos e deliciosos.

Endereço: Rua Jardim Botânico, 983 – Estacionamento do Jockey Clube.

Rotisseria Sírio Libanesa

O famoso “árabe do Largo do Machado”. O restaurante é de uma simplicidade incrível, é pequeno, mas a comida sai extremamente rápida e é simplesmente deliciosa. 

O restaurante faz tanto sucesso no Largo do Machado, que vendedores ambulantes de comida, montaram barracas de quibes e esfihas na praça, para se aproveitar do “rastro” de sucesso da Rotisseria Sírio Libanesa.

Caso você desça na estação do metrô Largo do Machado para ir ao Cristo Redentor, procure pelo restaurante, que fica dentro de uma galeria. É rápido, não vai atrasar seu passeio.

Endereço: Largo do Machado, 29 Loja 32 – Galeria do Condor

A comida é deliciosa e sai super-rápida. Destaque para o arroz de lentilha e a kafta. Foto: TripAdvisor

Zazá Bistrô Tropical

Cozinha brasileira contemporânea, comida saudável, frutos do mar e cozinha mediterrânea.

Endereço: Rua Joana Angélica, 40 – Ipanema

Restaurantes Michelin no Rio de Janeiro 2 estrelas

Oro Restaurante – 2 estrelas para o famoso chef Felipe Bronze nesse restaurante de cozinha criativa na Avenida General San Martin 889, Leblon.

Oteque – o extraordinário chef Alberto Landgraf leva todos a um mundo de sensações culinárias tremendamente nítidas, baseado em sua coerência habitual de trabalhar com os melhores peixes e mariscos da região. O Oteque fica na Rua Conde de Irajá 581, Botafogo.

Restaurantes Michelin no Rio de Janeiro 1 estrela

Lasai – O Lasai se destaca por trabalhar com pequenos produtores, criar suas próprias galinhas e ter uma horta própria orgânica. Fica na Rua Conde de Irajá, 191 – Botafogo.

Cipriani – No famoso restaurante que fica no ainda mais afamado e estrelado Copacabana Palace, o chef Nello Cassese descobre uma cozinha italiana-internacional atualizada em técnicas e apresentações. Dentro do “Copa” na Avenida Atlântica, 1.702

Mee – Parece que os críticos do Guia Michelin estavam generosos com o hotel Belmond Copacabana Palace, o outro restaurante do hotel também levou 1 estrela com sua cozinha pan asiática de fusão com traços da culinária da Tailândia, Camboja, Vietnã, Coréia, Japão…

Restaurantes Michelin Rio de Janeiro Bib Gourmand

A classificação Bib Gourmand criada pelo Guia Michelin é dada a restaurantes que têm preços mais acessíveis, mas apresentam gastronomia de excelente qualidade.

No Rio de Janeiro, temos 6 restaurantes classificados pelo Guia Michelin como Bib Gourmand. São eles:

  • Artigiano – Italiana – Avenida Epitácio Pessoa 204, Lagoa
  • Didier – Francesa – Avenida Alexandre Ferreira 66, Jardim Botânico,
  • Maria e o Boi – Carnes, Internacional, Ipanema
  • Pici Trattoria – Italiana – Rua Barão da Torre 348, Ipanema
  • Mian Mian – Moderna – Rua General Góes Monteiro 34, Botafogo
  • Lilia – Brasileira – Rua do Senado 45, Centro

Cidades do Rio de Janeiro – O que fazer nos arredores

Caso você já conheça bem o Rio ou viaje para a cidade com bastante tempo, aproveite para conhecer as atrações das cidades próximas à capital.

  • Cabo Frio: Praias e dunas a 154 Km
  • Arraial do Cabo: Praias com águas transparentes e vistas espetaculares a 164 km
  • Búzios: diversas praias e o charme desse balneário a 173 Km
  • Petrópolis: história do Brasil bem preservada, compras de roupas e o charme da serra a 68 Km
  • Teresópolis: Charme da serra, belas paisagens e boa gastronomia a 97 Km
  • Ilha Grande: Praias e paisagens espetaculares a 105 Km*
  • Paraty: Charme, arquitetura, história, literatura e cachaça a 249 Km

*Para a Ilha Grande você pode ir até Mangaratiba, Conceição de Jacareí ou Angra dos Reis e fazer a travessia de barco até a ilha. A distância de 105 Km é do centro do Rio até Mangaratiba, onde tem a Barca oficial de travessia, que é o meio de transporte mais barato e também o mais lento.

Excursões nos arredores do Rio que podem te interessar

Como se vestir – O que levar para o Rio de Janeiro

Bom, se você viajar para o Rio entre os meses de dezembro e março, você pode viajar praticamente nu ou nua.

Sério, você vai perceber que as pessoas, sobretudo nos bairros praianos da zona sul, Copa, Leblon e Ipanema, as pessoas andam muito à vontade. 

O carioca no verão usa bermuda, regata e chinelo para quase todos os compromissos possíveis. Já as meninas cariocas, usam um short jeans ou um vestido curto, largo e florido, uma sandália rasteira e pronto

Para o carioca, no verão, chinelo e bermuda viram traje de gala

Basicamente em termos de roupas, é tudo o que você precisa para passar alguns dias no verão carioca

Você pode ver um texto bem-humorado que eu escrevi falando sobre o jeito de ser carioca.

É claro que o Rio de Janeiro tem lugares sofisticados e bons restaurantes, que você vai querer estar um pouco mais apresentável, principalmente se for um jantar. Porém, no Rio de Janeiro, no verão, pode esquecer qualquer formalidade.

Caso você venha em épocas que pode fazer frio à noite, você pode optar por trazer um suéter fininho, uma jaqueta jeans ou de sarja e/ou um blazer para qualquer compromisso mais arrumado.

No mais, é uma fantasia para o carnaval e a tradicional roupa branca para o réveillon.

Segurança no Rio de Janeiro

Chegamos àquele ponto sensível, uma das razões ruins pelas quais o Rio é tão famoso mundo afora. Sempre que eu viajo para qualquer lugar do Brasil, sempre me perguntam se é verdade aquela violência toda que eles veem na TV.

Sim, existe violência. 

Sim, é verdade que existem incursões nas favelas com bastante violência, onde morrem bandidos, policiais e eventualmente moradores inocentes.

Também existe todo o tipo de violência urbana no asfalto (fora das favelas), mas esse tipo de violência também ocorre em outras grandes capitais brasileiras.

Porém, entretanto, todavia, isso não quer dizer que o turista que vier ao Rio sofrerá violência, que todo o turista será assaltado assim que chegar à cidade. 

Não, isso definitivamente não acontece. 

Até porque as regiões turísticas são as mais bem policiadas da cidade.

O que vai fazer no Rio de Janeiro?

Se a questão da segurança for um problema para você, clique na imagem acima e descubra diversos passeios feitos com agências de turismo.

Dicas sobre segurança no Rio de Janeiro

  • Evite usar itens caros que chamam a atenção, como cordões e pulseiras de ouro (em qualquer hora e em qualquer lugar – melhor evitar né)
  • Não ande pela rua distraído(a) com o celular na mão (Já presenciei um moleque meter a mão no celular da menina e sumir na multidão)
  • Lugar de carteiras e celulares é dentro de bolsas, mochilas ou no bolso da frente, principalmente em aglomerações, como no transporte público, blocos de carnaval e réveillon de Copacabana (batedores de carteiras e celulares existem no mundo inteiro, isso não é exclusividade do Rio) 
  • No verão, as orlas de Copacabana, Leblon e Ipanema ficam bem cheias, mesmo à noite (calçadão e areia). É um excelente programa caminhar, praticar algum esporte ou sentar em algum dos quiosques. Mas evite horários após às 23h, ou qualquer outro em que você perceba que essas áreas estão muito desertas.
  • Ir para a areia de madrugada pra bater um papo, namorar ou para ver o nascer do sol, pode ser uma boa ideia se você estiver em um grupo grande, caso contrário, melhor evitar
  • O centro da cidade costuma ficar mais vazio aos finais de semana, principalmente aos domingos. Só faça programas por lá nesses dias, se for em grupo grande ou com guia
  • Santa Teresa, embora fique no centro, pode conhecer aos finais de semana, pois fica bem movimentada e com muitas atrações bacanas

Remédios/ Hospitais/ Seguro viagem para o Rio de Janeiro

Remédios

Leve seus remédios de uso regular, sobretudo aqueles que necessitam de receita para comprar. 

É sempre bom levar também, antitérmicos e analgésicos, além de bandaid, protetor solar,  alguma loção de calamina para alergias, picadas de insetos e queimaduras de pele e repelente. Diversos passeios são em trilhas, onde os mosquitos podem atacar.

No caso de esquecimento, em cada esquina tem uma farmácia. Bom, acho que é assim no Brasil inteiro.

Hospitais

Centro e Zona Sul do Rio tem grande oferta de hospitais públicos e privados que têm capacidade para atender os casos de toda e qualquer complexidade.

Caso você tenha plano de saúde, com cobertura de urgência e emergência em qualquer lugar do país, você não terá problemas para ser atendido(a) em diversas instituições de saúde.

Se você não tiver plano de saúde, caso ocorra alguma necessidade deverá procurar alguma UPA ou hospital público.

Seguro-viagem 

Além das questões de saúde e acidentes pessoais, o seguro-viagem oferece cobertura para atrasos e cancelamentos de voos, extravio com atraso ou perda de mala, assistência jurídica, assistência odontológica, retorno antecipado em caso de emergência, entre outros.

Consulte sempre a sua apólice antes da viagem. Você pode fazer a cotação do seu seguro aqui.

Algumas questões sobre o Rio de Janeiro

Qual é a bandeira do Rio de Janeiro?

É essa da foto abaixo, lembrando que esta bandeira é do Estado do Rio de Janeiro

Qual é a capital do Rio de Janeiro?

O Rio de Janeiro é um estado, uma das 26 Unidades da Federação do Brasil, a capital do estado é a cidade/município do Rio de Janeiro.

Quem nasce no Rio de Janeiro é…

Quem nasce na cidade do Rio de Janeiro (capital) é carioca, já quem nasce em outras cidades do estado do Rio, é fluminense.

Onde fica o aeroporto do Rio de Janeiro?

O maior aeroporto, que é o Galeão Tom Jobim, está localizado na Ilha do Governador, que fica a 16 Km do centro do Rio e a 26 Km de Copacabana.

O outro aeroporto, o Santos Dumont, fica no centro do Rio, a 10 km de Copacabana.

Tem transporte público no aeroporto do Rio de Janeiro?

Caso você chegue ao Rio pelo Santos Dumont, você pode pegar o VLT até a estação Cinelândia, desembarcar, pegar o metrô e seguir viagem até a estação mais próxima do seu hotel.

Já se você chegar pelo Galeão, a situação não é tão simples. O principal transporte deste aeroporto é o BRT que vai até a Barra. Se sua hospedagem é neste bairro, pode ser que valha a pena pegar o BRT. 

Caso sua hospedagem seja no centro ou Zona Sul, é preciso pegar o BRT até a estação Vicente de Carvalho do metrô, fazer a baldeação e encarar mais 20 estações até Copacabana, por exemplo.

Existe a opção do ônibus executivo que faz o percurso Centro, Glória, Flamengo, Botafogo, Copacabana, Ipanema, Leblon, São Conrado, Barra. É confortável, relativamente barato, mas a viagem leva uma eternidade, principalmente para quem vai descer nos últimos bairros.

Quando é o carnaval do Rio de Janeiro?

O carnaval de rua do Rio de Janeiro, que é totalmente gratuito, também atrai turistas e foliões do mundo inteiro.

O calendário de carnaval é o mesmo para o Brasil inteiro e é uma data móvel de acordo com o Calendário Eclesiástico, determinado pela igreja católica de acordo com as estações do ano e calendário lunar, coisa complicada.

Enfim, o carnaval acontece 47 dias antes da Páscoa, mas como você também não sabe quando será a Páscoa, vou facilitar para você.

Carnaval do Rio de Janeiro em 2023 – De 18 a 22 de fevereiro 

Carnaval do Rio de Janeiro em 2024 – De 10 a 14 de fevereiro

Carnaval do Rio de Janeiro em 2025 – De 01 a 05 de março

Já dá para começar a se programar.

Se você ficou com alguma dúvida ou queira dar alguma sugestão, deixa um comentário para mim abaixo.

Vai ser importante para a sua viagem:

29 praias do Rio de Janeiro para você conhecer

41 atrações de graça no Rio de Janeiro

Como conhecer os principais pontos turísticos do Rio de Janeiro

Deixe uma resposta

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você concorda com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Consulte mais informação

Política de Privacidade e Cookies